Notícias

O SBT só não faliu, há 27 anos, por causa da Tele Sena

Quando se vai pagar uma conta na lotérica ou assistir programa no canal SBT, é inevitável não ver uma Tele Sena. O produto do Grupo Sílvio Santos já é do conhecimento de muitos brasileiros e por muitos anos tem tido uma enorme importância para o SBT.

Uma história cheia de conturbações

O apresentador e dono do SBT comprou a Tele Sena, em 1991 da empresa Liderança Capitalização S/A e já nessa época, começaram a ocorrer eventos contrários a viabilização do produto, porque se argumentava que se tratava de uma forma de jogatina ilegítima.

Em 1993, através de uma entrevista ao Jornal do Brasil, o ex-deputado estadual do PMDB José Carlos Tonin, dizia que somente 5% das cartelas de Tele Sena eram premiados.

Na matéria do Jornal do Brasil ainda havia a colocação de que o faturamento da Tele Sena em um ano e meio havia sido de US$ 50 milhões de dólares e que os custos para distribuir as cartelas eram muitos baixos.

Depois em 1997, a Justiça definiu a Tele Sena como um jogo de loteria, segundo uma reportagem da revista Veja.

O SBT não teria sobrevivido sem a Tele Sena

Todas essas situações fizeram com que no ano de 2000, o apresentador e empresário Silvio Santos se manifestasse através de uma carta enviada a desembargadores do Tribunal Regional Federal (TRF) em São Paulo.

Nessa correspondência, ele falava que tinha comprado a Tele Sena para amparar os prejuízos que o SBT gerava, pois ainda não podia se sustentar e crescer somente com a publicidade e lucros do Baú da Felicidade.

O Jornal Folha de São Paulo ainda publicou o conteúdo da carta na qual o dono do Grupo Sílvio Santos afirmava que sem a Tele Sena, não teria sido possível comprar o pacote de filmes da Disney e Warner e o SBT teria falido.

Desde o dia da compra até aquela data, Silvio falava que o lucro da Tela Sena havia apoiado todas as empresas do Grupo que davam prejuízos pelo alto investimento que era feito a rede de TV e outros empreendimentos. O empresário ainda afirmou na carta que a Tele Sena é legal.

Em 2006, o Grupo Bandeirantes perdeu canais pagos da operadora TV Alphaville para o Grupo Silvio Santos e fez uma série de matérias contra o SBT e a Tele Sena.

Por fim, em 2007 o Superior Tribunal de Justiça por decisão unânime declarou que Tele Sena está dentro da Lei.

O SBT só não faliu, há 27 anos, por causa da Tele Sena
5 (100%) 1 vote

Comente abaixo

comentários

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.